ESPECIALISTAS EM EXCELÊNCIA

Samaritano_Robotica
IMG_9005 copy

ROBÓTICA

O Samaritano é o primeiro hospital privado do Rio de Janeiro a implantar um centro de cirurgia robótica. O cirurgião usa uma espécie de joystick e tem seus movimentos de mãos e pulsos reproduzidos pelos quatro braços de alta precisão de um robô, que também transmite imagens em 3D de dentro do corpo do paciente. As imagens são ampliadas em 10 vezes para o cirurgião, que trabalha de forma ainda mais precisa e realiza manobras delicadas que não seriam possíveis com os instrumentos tradicionais. O uso da tecnologia minimiza o trauma e a dor na região, a perda de sangue e a necessidade de transfusões, além de agilizar a recuperação no pós-operatório.

HOTELARIA

A hotelaria sofisticada é outra marca do hospital, que, nas unidades Botafogo e Barra, recebe pacientes e familiares nos espaços amplos, confortáveis e acolhedores das Recepção Social e da Emergência. Os quartos de 25m2 a 30m2 em ambas as unidades têm padrão luxo e banheiros adaptados para maior segurança do paciente. Em Botafogo, também há acomodações sofisticadas com 60m2 e, na Barra, com 45m2 (Vip) e 70m2 (Master) – todas equipadas com controle de ambiente automatizado e poltronas massageadoras, divididas em dois ambientes integrados por porta de correr, que permite que médico e paciente tenham privacidade para avaliações mais detalhadas. Contam ainda controle remoto itouch, que atende aos comandos de televisão, ar-condicionado, iluminação e persianas.

PROTOCOLOS

Em consonância com a Resolução da Diretoria Colegiada RDC 36/2013 – do Programa Nacional de Segurança do Paciente, lançado pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) – o Samaritano adota práticas protocolares que qualificam ainda mais o cuidado prestado aos seus pacientes. Os protocolos clínicos elaborados pela equipe médica orientam a atuação profissional e facilitam a terapêutica adotada. A instituição possui ainda um Núcleo de Segurança do Paciente e um Plano de Segurança do Paciente que contribuem para a disseminação da cultura de boas práticas, ao integrarem processos de gestão de risco e diretrizes da assistência médica.

Programa de Controle Glicêmico do Samaritano é certificado pela JCI

Em 2018, o Hospital Samaritano Botafogo lançou o Programa de Controle Glicêmico para Diabetes. Em dezembro de 2019, esse mesmo programa foi certificado de forma pioneira pela Joint Commission International (JCI), o principal órgão de acreditação de instituições de saúde em todo o mundo. Esse reconhecimento comprova o comprometimento do hospital com a qualidade e segurança do atendimento prestado aos pacientes.

O programa surgiu a partir da preocupação da equipe clínica com os efeitos do diabetes descompensado e de alterações da glicemia, que podem aumentar o risco de complicações no quadro do paciente, além de aumentar seu tempo de internação. Pensando nisso, uma equipe multidisciplinar atua de forma colaborativa para desenvolver planos terapêuticos e nutricionais personalizados, monitoramento da glicemia e visitas de educação em diabetes.

Com esses métodos aplicados pelo programa, a equipe do Samaritano Botafogo tem o objetivo de melhorar o controle da diabetes a longo prazo, elevando também a qualidade de vida do paciente. A prevalência da diabetes em território brasileiro tem apresentado aumento nos últimos anos. Segundo dados do Vigitel 2018, cerca de 7,7% da população do País sofre com diabetes, ocupando o quinto lugar no mundo em número de casos, segundo informações da Federação Internacional de Diabetes (IDF) em 2019.

Newsletter Samaritano

Cadastre-se e receba as nossas atualizações

Faça o seu login

Escreva o seu login e senha e tenha acesso as informções:

não é cadastrado?

Enviei seus dados e receba seu acesso por email:

Envie para um amigo